seg. maio 23rd, 2022

Acreanos que escolheram para o feriadão de Semana Santa na cidade histórica de Cusco, no Peru, ficaram praticamente isolados por conta dos atos de manifestação realizado por centenas de moradores após a alta no preço dos produtos em todo o Peru.

Entre os atos, são questionados, principalmente, os preços do combustível e alimentação. As manifestações em Cusco começaram nessa segunda-feira, 18, e permanece até está terça (19). A influenciadora digital acreana Juh Vellegas é uma das que ficaram presas na estrada na tentativa de voltar ao Acre. Até a tarde de hoje, os manifestantes só deixavam passar pelos bloqueios as ambulâncias.

“Acordamos cedo pra voltar pra casa e não querem deixar. Tá um caos a estrada e a gente tá com medo”, escreveu em seu perfil no Instagram. Há várias barreiras diferentes pela estrada que leva até Puerto Maldonado, próximo de Assis Brasil, interior do Acre.

Vellegas, que foi para a estrada com outras quatro pessoas, disse que ficou horas na ponte esperando uma das barreiras liberarem a passagem do veículos. Fato que ocorreu da mesma forma com outros Acreanos. A informação recente que se tem é de que o manifesto deve encerrar por volta das 17 horas, quando os Acreanos poderão retomar à estrada.

Por Ac24Horas