seg. maio 23rd, 2022

Sesacre informou que a previsão é que sistema volte a ser atualizado nesta sexta-feira (7).


Painel vacinação Acre não é atualizado desde 9 de dezembro de 2021 — Foto: Reprodução/Portal de Transparência do Governo

Painel vacinação Acre não é atualizado desde 9 de dezembro de 2021 — Foto: Reprodução/Portal de Transparência do Governo

Quase um mês depois da falha no ConectSUS que deixou os acreanos sem acesso ao cartão de vacinação, o painel de vacinação do Acre segue sem ser atualizado.

O aplicativo e o site do ConecteSUS ficaram indisponíveis para a emissão do Certificado Nacional de Vacinação Covid-19, que é exigido para acessar órgãos públicos e outros estabelecimentos entre os dias 10 a 23 de dezembro quando voltou, mas com instabilidade, após 13 dias fora do ar.

A Secretaria Estadual de Saúde do Acre (Sesacre) informou ao g1 que há uma previsão da equipe técnica de o painel seja atualizado nesta sexta-feira (7), e que essa previsão foi dada pelo Ministério da Saúde para que os estados possam ter acesso a plataforma e extrair os dados.

Além da falta de atualização das doses de vacinas aplicadas contra a Covid-19, é importante destacar que no último dia 31, quando o governo estendeu a obrigatoriedade da máscara no estado, o Comitê de Acompanhamento Especial da Covid-19 alertou que existe uma subnotificação de casos devido à instabilidade nos sistemas Sivep-Gripe, ConecteSUS, e E-SUS Notifica, que ocasionou a indisponibilidade das bases de dados do Ministério da Saúde.

Ainda na nota, o governo diz que existe a possibilidade de aumento de casos no início de 2022. Até esta quinta-feira (6), o Acre registrou 88.403 casos de Covid-19 desde o início da pandemia. O número de vítimas fatais é de 1.852, conforme os boletim da Sesacre.

“Devido a estes e demais fatores de risco, a previsão é de que haja aumento de novos casos no período de janeiro a março, por isso a importância da continuidade de prevenção à doença com a manutenção das medidas sanitárias que determinam: evitar aglomeração e manter distanciamento de 2 metros entre as pessoas; evitar compartilhar objetos e equipamentos nos espaços públicos; uso obrigatório de máscara em todos os ambientes, entre outras.

Ataque hacker

A página e o aplicativo do ConecteSUS e o site do Ministério da Saúde foram invadidos por hackers na madrugada do dia 10 de dezembro.

Os relatos de usuários que não conseguiram acessar a plataforma nacional começaram a surgir pouco após um ataque hacker aos sites do Ministério da Saúde e do ConecteSUS. Nas duas páginas, os invasores escreveram que o portal sofreu um “ransomware” e que “50 TB de dados foram copiados e excluídos”.

Pouco antes das 7h, a mensagem não era mais exibida nos sites, mas eles continuavam inacessíveis.

Ransomware é um tipo de vírus que sequestra o conteúdo do computador da vítima e cobra um valor em dinheiro pelo resgate, geralmente usando a moeda virtual bitcoin, o que dificulta rastrear o criminoso.

Este tipo de “vírus sequestrador” age codificando os dados do sistema operacional de forma com que o usuário não tenha mais acesso.

O Lapsus$ Group assumiu a autoria do ataque cibernético ao deixar a mensagem “nos contate caso queiram o retorno dos dados” nas páginas dos sites que saíram do ar. Antes do fim da madrugada, a mensagem ficou intermitente até sumir dos dois portais.

Vacinação no Acre

De acordo com informações do portal de transparência do governo, o Acre já recebeu 1.015.363 doses de vacinas e foram aplicadas 1.021.379 doses na população até o dia 9 de dezembro, data da última atualização. Das doses, 566.240 pessoas tomaram a primeira dose, 420.673 a segunda, 12.193 a dose única e 18.411 a de reforço.

fonte: g1acre