seg. maio 23rd, 2022

Número de exames aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux é de 40.


Número de exames aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux é de 40 — Foto: Jefferson Peixoto/Secom

Número de exames aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux é de 40 — Foto: Jefferson Peixoto/Secom

O boletim da Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre) confirmou 57 casos de infecção por coronavírus e mais sete mortes pela doença nesta terça-feira (1). Dessa forma, o número de infectados saiu de 82.524 para 82.581 e o de mortes subiu para 1.669.

O número de exames aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux é de 40. Já em relação aos pacientes internados, são 146, dos quais 130 estão com teste positivo para a Covid-19.

O estado está em contaminação comunitária desde o dia 9 de abril, com uma taxa de incidência de 9.232,4 casos para cada 100 mil habitantes. A taxa de mortalidade em cada 100 mil habitantes é de 187, já a de letalidade – quantidade de mortos dentro dos números confirmados da doença – é de 2%.

Até essa segunda (31), data da última atualização, dos 106 leitos de UTI nos hospitais da rede SUS disponibilizados no estado, 46 continuam ocupados. Com isso, a taxa de ocupação dos leitos está em 44%. Os leitos de UTI estão concentrados na capital, com 80 vagas, e Cruzeiro do Sul, com 26.

Mortes por cidade

Cidades com óbitosÓbitos totaisNovos registros
Acrelândia330
Assis Brasil240
Brasiléia370
Bujari150
Capixaba170
Cruzeiro do Sul1510
Epitaciolândia290
Feijó590
Jordão21
Mâncio Lima271
Manoel Urbano131
Marechal Thaumaturgo90
Plácido de Castro171
Porto Acre341
Porto Walter40
Rio Branco1.0132
Rodrigues Alves110
Santa Rosa do Purus70
Sena Madureira630
Senador Guiomard420
Tarauacá350
Xapuri270
Total1.6697

Fonte: Sesacre

Números e mortes

Das 1.669 mortes, 965 eram homens e 704 mulheres. Do total de vítimas, 1.135 tinham acima de 60 anos. Dentre os óbitos, 944 deles tinham alguma comorbidade, porém, verifica-se que 725 das pessoas que evoluíram para o óbito não tinham histórico de comorbidades.

As sete mortes confirmadas nesta terça são de cinco homens e duas mulheres.

Perfis

Morador de Plácido de Castro, o homem de 37 anos deu entrada no dia 15 de abril no Pronto Socorro de Rio Branco e faleceu no mesmo dia.

O homem de 49 anos era morador do Jordão, deu entrada no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC) no dia 19 de abril e faleceu no dia 27 de abril.

Morador de Rio Branco, o homem de 30 anos deu entrada no dia 17 de abril no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC) e faleceu no dia 5 de maio.

Morador de Rio Branco, o homem de 53 anos deu entrada no Hospital Santa Juliana no dia 23 de abril e faleceu no dia 7 de maio.

O homem de 51 anos era morador de Porto Acre, deu entrada no dia 13 de abril no Pronto Socorro de Rio Branco e faleceu no dia 24 de maio.

Moradora de Mâncio Lima, a idosa de 69 anos deu entrada no dia 14 de março no Hospital Regional do Juruá, em Cruzeiro do Sul e faleceu no dia 1º de abril.

Moradora de Manoel Urbano, a idosa de 78 anos deu entrada no Pronto Socorro Rio Branco e faleceu no dia 19 de maio.

Maiores taxas de contaminação a cada 10 mil habitantes:

  • Assis Brasil – 2.177
  • Xapuri – 1.506
  • Tarauacá – 1.482
  • Santa Rosa – 1.359
  • Sena Madureira – 1.223

Casos de Covid-19 por cidades

CidadesTotalCasos novos
Acrelândia1.5654
Assis Brasil1.6400
Brasiléia2.7340
Bujari1.1191
Capixaba6350
Cruzeiro do Sul7.4702
Epitaciolândia1.3590
Feijó3.0700
Jordão4763
Mâncio Lima2.2290
Manoel Urbano9020
Marechal Thaumaturgo1.2280
Plácido de Castro1.6109
Porto Acre1.4251
Porto Walter5370
Rio Branco36.68628
Rodrigues Alves7901
Santa Rosa do Purus9131
Sena Madureira5.6925
Senador Guiomard1.1501
Tarauacá6.3991
Xapuri2.9520
Total82.58157

Fonte: Sesacre

fonte: g1acre