• qui. fev 22nd, 2024

Decisão de encerrar escolas cívico-militares difere do compromisso firmado da Educação,diz Neri

ByEdnardo

jul 13, 2023

A deputada Socorro Neri veio a público manifestar sua posição contrária a decisão do Governo Federal de encerrar o Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares(Pecim). “Uma medida desta abrangência deveria ser analisada por todas as partes envolvidas, em particular considerando diretamente os mais atingidos, ou seja, os próprios estudantes”, ponderou. A deputada salienta que não foi esta a posição do ministro da Educação, Camilo Santana, quando em audiência na Comissão de Educação da Câmara dos Deputados. “Foi uma decisão totalmente contrária a posição apresentada pelo ministro na ocasião”.

A parlamentar lembra que como secretária de Educação no Acre testemunhou o bom trabalho das escolas cívico-militares,a satisfação dos estudantes e dos pais “além do pedido que fossem implantadas novas unidades”. Socorro Neri fez questão de se solidarizar ao Governo do Estado pela decisão de manter as que se encontram em funcionamento no Acre”, como já faz à medida que utiliza as forças militares estaduais, no caso PM e Bombeiros”.

Manutenção

Por seu lado, o próprio secretário de Educação do Estado,Aberson Carvalho, anunciou que a decisão do governador Gladson Cameli é de manter as escolas existentes em funcionamento com recursos próprios do Executivo e emendas parlamentares, “mas a política de ampliação deixa de existir no quesito fomento financeiro, o que é lamentável”. Para Socorro Neri, decisões que impactam a vida dos estudantes devem ser tomadas com ponderação e conhecimento de causa. “Não de forma açodada e imprevisível. Não é assim que a banda toca”, resumiu.

Fonte Ac24Horas

By Ednardo